A MANEIRA MAIS FÁCIL DE PROGRAMAR POSTAGENS

No Facebook, Twitter, Linkedin e Pinterest


Teste agora!

Postcron é a Maneira Mais Fácil de Programar Postagens no Facebook, Twitter e Google+ Experimente Grátis

Criando vídeos para as mídias sociais sem aparecer na câmera

Por Camila |

fazer videos

Na era digital, os vídeos trouxeram um toque a mais para as estratégias de marketing. Os números recentes sugerem que  posts com vídeos recebem, em média,  um 41% mais de cliques que aqueles posts que contém somente texto, além disso, os vídeos geram mais engajamento.

Porém, nem todo mundo quer estar na frente das câmeras. Mas isso não é motivo para se estressar! Você pode criar vídeos utilizando outros materiais que irão criar engajamento com o público, sem que para isso você precise ser a estrela ou o ator principal.

Antes de se arriscar a criar vídeos para as mídias sociais, pense bem em quais as suas metas. O que você deseja alcançar? Seja bem específico ao traçar suas metas e objetivos. Por exemplo, sua meta pode ser vender mais produtos, ganhar novos seguidores ou aumentar a fidelidade do cliente. Mesmo que você queira todas as metas anteriores, escolha apenas uma e foque-se nela! Use o vídeo para chegar ao seu objetivo!

Decida o tipo de vídeo que você quer criar

Uma vez já estabelecido seu objetivo, já é hora de decidir qual o tipo de vídeo você quer produzir. Abaixo listamos alguns dos tipo mais populares de vídeos.

Depoimentos

Depoimentos em forma de vídeo são uma maneira fantástica de aumentar o poder da sua marca. Caso você conheça um cliente da sua marca ou produto que seja mais empolgado, pergunte-o se ele estaria disposto a gravar algo do estilo. Você pode se surpreender com a boa vontade das pessoas!

Dê uma olhada neste depoimento acerca do Slack:

Mesmo que o cliente em questão não queira aparecer em frente às câmeras, selecione algumas frases de pessoas satisfeitas, e você pode usá-las em slides durante os vídeos.

Tutoriais

O objetivo desse estilo de vídeo é ensinar algo novo para a audiência. Muitos tutoriais mostram uma pessoa ensinando algum passo-a-passo, mas essa não é a única maneira. Você pode se utilizar de fotos que demonstram cada passo, acompanhadas de vozes que explicam cada um deles. Por exemplo, se você vende produtos que requerem algum tipo de montagem? Mostre aos clientes como se faz!

Ah! Não precisa de montagem? Faça um tutorial no word. Você pode produzir um vídeo estilo “how-to”, que explica os diversos usos do produto, dos serviços oferecidos ou um vídeo de perguntas e respostas.

Vídeos de Perfil

Quando pensamos em perfil, o que nos vêm à cabeça são pessoas, mas você pode fazer um vídeo com o perfil de um produto, serviço, experiências ou até mesmo de toda a empresa.

Por exemplo, digamos que você esteja lançando um novo produto, faça uma demonstração de como ele funciona. Caso você mesmo fabrique o seu artigo manufaturado, faça um vídeo mostrando os bastidores e o processo de produção.

Trabalha na industria do turismo? Mostre um destino paradisíaco!

Ofereça aos seus clientes um novo olhar sob a sua empresa, conte a história por trás dela.

Você não tem muitos vídeos? Use fotos bonitas e um texto chamativo!

Vídeos Animados

Vídeos animados podem ter um custo mais elevado, mas são incrivelmente populares! Caso o uso de animações se encaixe no perfil da sua empresa, os vídeos animados podem ser uma ótima maneira de passar sua mensagem. Não sabe por onde começar?

Veja esse vídeo do Animaker.

Não importa qual tipo de vídeo seja sua escolha, lembre-se que aqueles de mais sucesso são os que contam uma história de uma maneira envolvente.

Pergunte-se? Eu assistiria a esse vídeo? Em caso negativo, continue suas pesquisas!

Reúna material

Uma vez decidido o estilo do vídeo que você queira produzir, junte todo o material que você tenha em um só lugar. Você deve ter mais coisa do que imagina! Listamos alguns locais onde você pode procurar.

Ativos do Marketing

Analise os materiais que você possua, tanto os digitais quanto os impressos, incluindo brochuras, catálogos e o seu próprio site. Quais imagens ou textos podem ser reutilizados e incluídos em um vídeo? O logotipo da sua companhia, fotos e gráficos são bons candidatos. Você possui alguma biblioteca de imagens que não passaram em uma primeira avaliação? É hora de fazer uma checagem e dar uma segunda oportunidade!

Posts nas mídias sociais

Tanto seu Facebook quanto seu Instagram podem ser uma excelente fonte para seu vídeo! Revise as fotos e vídeos que você já tenha postado e os inclua no seu inventário. Verifique materiais sobre sua empresa que outras pessoas possam ter postado. Caso algo seja do seu agrado, peça permissão para utilizá-los.

Geradores de conteúdo

Está preocupado com a falta de material? Peça ajuda aos consumidores, usuários e fãs!Utilize suas redes sociais e peça a todos que te mandem vídeos e fotos! Quem sabe fazer um concurso?

Mas lembre-se de sempre pedir uma permissão para o uso do material,ok?

Crie um esboço do seu vídeo

Uma vez decidido todo o material a ser usado, preste atenção se há alguma falha ou buracos. Esboce a mensagem que você queira passar e escreva o storyline. Verifique se há fotos suficientes para cada parte da estória. Por exemplo, se o seu vídeo é sobre instruções de um determinado produto, você necessitará uma foto para cada estágio.

Esse é um passo importante, pois irá garantir que seu vídeo fique completo. Caso você pule esse passo, o seu vídeo poderá conter incongruências. Preencha todas as lacunas, e depois utilize a ferramenta de edição de sua preferência. Ainda precisa de ideias? Leia essa lista publicada no Social Midia Examiner.

Não se esqueça que cada plataforma possui suas próprias diretrizes de tamanho, dimensão para os vídeos! Portanto, antes de começar a editar seus vídeos, tenha certeza que você esteja por dentro das últimas especificações.

Siga o manual de etiqueta online nos vídeos

Não interessa o estilo do vídeo que você esteja produzindo, mantenha a etiqueta nos seus vídeos.

Escolha bem a duração: As “boas maneiras” podem variar conforme o tipo de vídeo a ser criado, mas estudos demonstram que os vídeos,que viralizam,  têm entre 30 segundos e 3 minutos de duração, e que vídeos com mais de 5 minutos não se saem tão bem quanto os mais curtos.

Invista numa abertura incrível: Pesquisas sugerem que os espectadores decidem se irão ver o vídeo ou não nos 3 segundos iniciais.

Esteja pronto para o silêncio: Até 85% dos vídeos do Facebook  são vistos no modo silencioso, portanto, seu vídeo não pode se basear no som. Use legendas e textos para que sua mensagem seja passada aos fãs, mesmo no modo sem som.

Precisa de mais dicas para integrar vídeos na sua estratégia digital? Leia nosso post sobre marketing e vídeos no Facebook!

Você já produziu algum vídeo sem aparecer diante das câmeras? Diga para gente como foi!

 

Comments

Social