Postcron é a Maneira Mais Fácil de Programar Postagens no Facebook, Twitter e Google+ Experimente Grátis

Como Criar Campanhas de Vídeo Marketing com Pouco Orçamento

Por Autor Convidado |

 

Cada dia que passa, o consumo de conteúdo audiovisual na Web cresce de maneira considerável. O auge da potência mobile está explodindo, já se calcula que 1 em cada 2 visualizações no YouTube é realizada por dispositivos móveis.

O Vídeo
Marketing deixou de ser um recurso menor, fácil e divertido para se tornar uma necessidade em qualquer estratégia de Marketing Digital, comparado à importância das exigências assumidas tanto no
marketing em Redes Sociais, como via E-mail Marketing.

Sem dúvida, o mercado de Video Marketing é uma das possibilidades mais eficazes para atrair a atenção de um cliente em potencial e, melhor ainda, aumentar o engagement de qualquer campanha de Marketing Digital.

A explicação é simples, uma pessoa normalmente retém apenas 10% do que lê ou escuta, mas quando acessa uma peça audiovisual, o índice de assimilação se eleva quase 50%.

Aparentemente, o provérbio “uma imagem vale mais que mil palavras” se encontra mais evidente do que nunca nesta realidade multimídia em que nos movemos. E embora possa parecer mentira, milhares de empresas ainda não começaram a dar o salto para este formato dinâmico.

48% dos profissionais de marketing pretendiam incluir o YouTube em sua estratégia de conteúdos em 2018.

video marketing

“Cinema não é uma fatia de vida, mas um pedaço de bolo.” – Alfred Hitchcock (1899-1980)

Com esta avalanche audiovisual prevista, não devemos nos surpreender com a Apple que incluiu na sua versão mais recente do iOS e MacOS a funcionalidade de reproduzir vídeos em seu aplicativo de E-mail, tanto para desktop quanto mobile.

O conteúdo da rede e, portanto, as ações de Marketing Digital, estão migrando para imagens em movimento e nenhum profissional do marketing que quer manter contato com seu público pode ignorá-lo.

Por esta razão e com estatísticas favoráveis, podemos afirmar que, para se conectar com o nosso target atualmente, o vídeo é um formato ideal e necessário.

Ainda assim, sabemos que obstáculos como o tempo, disponibilidade de recursos ou orçamentos estão muitas vezes longe dos planejamentos de Marketing Digital. É por isso que queremos compartilhar com você algumas dicas que te ajudarão a criar vídeos eficazes, de qualidade e com custo irrisório. Vamos começar!

1 – Escolha uma boa história para o seu vídeo

Muitas vezes, um bom roteiro ou uma idéia original superam limitações técnicas.

Se você não acredita, basta assistir a “Atividade Paranormal” e verificar seus lucros. Então, se o seu orçamento é limitado, é essencial que os seus vídeos possuam uma história convincente para captar a atenção do público durante os primeiros 5 segundos.

Expresse sua criatividade ao máximo e não se preocupe tanto com a qualidade, o conteúdo  efêmero, como as histórias no Instagram, Snapchat, transmissões ao vivo no Facebook ou mesmo um GIF não necessitam de grandes câmeras para ser eficazes e tornar-se viral. Um simples telefone celular pode ter tudo para esta primeira etapa do registo.

Lembre-se de integrar naturalmente o seu produto e utilizar o humor e a emoção em sincronia com o ritmo.

Se a edição pode ser um problema, no inicio, você pode aproveitar as potentes ferramentas gratuitas que estão disponíveis em todos os telefones e computadores. Tenha em mente que um conteúdo casual e natural, rende mais engajamento do público, por isso, não se deve abusar das transições e efeitos de vídeo.

Finalmente, busque sempre envolver o usuário com o conteúdo. Aproveite as opções de interação que a plataforma escolhida oferece.

video marketing

Dado: 55% das pessoas assistem a vídeos on-line todos os dias.

2 – Legende seus vídeos

Atualmente é necessário planejar suas peças audiovisuais, considerando que muitas pessoas apertam o botão “play” em seus dispositivos, silenciosamente. Para dar uma ideia do crescimento dessa tendência em particular, estima-se que 85% dos vídeos exibidos no Facebook são acessados sem audio.

Por sua vez, esta pequena tarefa de legendagem das peças audiovisuais permite alcançar pessoas que falam outro idioma ou têm problemas de audição. Fazer isso é mais do que simples, e se você planeja o upload do seu material num canal exclusivo como o YouTube, pode até mesmo aplicá-la ali mesmo.

3 – Pense nas buscas no momento de titular os vídeos de sua campanha de Vídeo Marketing

Aqui nos deparamos com a dupla tarefa de…

…usar tags eficazes e ao mesmo tempo atrativos, que façam que os visitantes apertem “play” nos vídeos.

Novamente você deverá fazer emergir sua criatividade, levando em conta que essas palavras conduzem ao momento de destacar seu vídeo a e conseguir que esteja junto dos 4 milhões de vídeos vistos no YouTube a cada dia.

Uma boa dica é aproveitar de palavras-chave denominadas “Longtail”. Basicamente,  trata-se de “termos-chave”, constituídos de várias palavras, que são muitas vezes mais concretos e, portanto, tendem a ter menos concorrência e maior efetividade no momento de destacar o conteúdo.

4 – Respeite os formatos e os diferentes tons em suas postagens cruzadas

Certamente, sua empresa ou empreendimento tem presença em diferentes Redes Sociais. Por esta razão, é essencial que, se você pretende publicar os seus vídeos em múltiplas plataformas, que compreenda e respeite seus formatos e características.

Sabemos que existem diferenças marcantes no consumo de conteúdos, dependendendo onde for publicado, seja no Instagram, Facebook, Twitter, etc. Deve-se dedicar o tempo necessário para adaptar seu material às especificações exigidas, tanto técnicas de cada Rede Social, bem como as suas características.

Nunca se esqueça que o público de cada rede está acostumado a diferentes temáticas e às frequências que são definidas pelas características específicas de cada uma. Se você deseja saber mais sobre isso, antes de lançar seus vídeos, recomendo a leitura deste interessante “Guia de frequências a publicar em Redes Sociais“.

video marketing

Fato: 52% dos profissionais de marketing acreditam que o vídeo é eficaz para o reconhecimento da marca.

5 – Tire proveito do Marketing de vídeos  em seus  E-mails

A época de compartilhar vídeos em seu e-mail através de captura com links terminou. Como havíamos mencionado no início deste post, a Apple adotou o uso deste formato na caixa de entrada, portanto, podemos dizer que cada vez mais, veremos conteúdo audiovisual em nossa caixa de entrada.

De qualquer forma, essa novidade já era conhecida e oferecida pelos aplicativos de E-mail Marketing, basta dar uma revisada na sua caixa de entrada de emails e você vai perceber que poucas empresas efetivamente tiram proveito dessa possibilidade.

Se for para submergir no mundo do Vídeo Marketing, é essencial que aproveite as suas peças audiovisuais em todos os canais usados pela sua empresa para estar em contato com o público.

Você tem interesse por experimentar esta forma de se comunicar com seus subscritores? Recomendo que você crie uma conta gratuita no Doppler, uma ferramenta de E-mail Marketing, e comece a ter suas próprias experiências audiovisuais graças à sua integração com Viwom, um aplicativo mais do que útil que lhe permite incluir vídeos de reprodução automática em todas as suas campanhas de correio eletrônico.

Note que o uso da palavra “vídeo” na linha de assunto de um e-mail potencializa o acesso em 15%.

6 – Analise as métricas dos seus vídeos e atue em conformidade

Aproximadamente 65% do público costuma assistir 3/5 de qualquer qualquer conteúdo audiovisual que chega a seus os olhos através da Internet. Acompanhar de perto seus relatórios vão lhe ajudar a determinar tanto a duração ideal de seus vídeos, como os conteúdos mais interessantes para o seu target.

Isto permite que você planeje adequadamente as temáticas, estime o tempo e calcule os recursos necessários para a produção de seus materiais futuros. Não se esqueça nunca: cada segundo que você economiza se traduz em recursos que podem ser aplicados em outras áreas ou usados para outros fins.

Dois terços  dos consumidores preferem vídeo com duração inferior a 60 segundos.

Chegamos ao final deste post, no qual temos a liberdade de comentar alguns spoilers de Vídeo Marketing. Podemos dizer que as novas plataformas e recursos em canais sociais facilitam a aplicação deste formato dinâmico em qualquer estratégia de Marketing Digital.

Atualmente, todas as empresas que estão comprometidas com este conteúdo, constatam nos seus relatórios finais resultados mais do que positivos. Durante o ano de 2016, um terço da atividade gerada na Internet estava relacionada a vídeos, e esta tendência deverá continuar a subir por um longo tempo.

Hoje, sabemos que um usuário médio da Internet está exposto a 32,3 vídeos por mês e certamente este número vai continuar aumentando. Com todos esses blockbusters presentes na rede, é momento de se perguntar: é uma boa ideia perder a oportunidade de aproveitar o poder do Vídeo Marketing? A resposta é um claro e sonoro “NÃO”.

Não perca tempo e comece a planejar a sua “Obra-prima”. Com o decorrer das suas ações, você vai ver os benefícios do Vídeo Marketing refletidos em seus relatórios. Finalmente, lembre-se sempre a máxima que diz que “a viralidade está nas mãos de pessoas de fora do seu círculo de influência”, sem dúvida, a melhor maneira de atingi-los é com ideias originais e inovadoras.

E para se divertir um pouco, deixo aqui um dos vídeos da campanha de Vídeo Marketing da empresa SquattyPotty que superou todos os recordes:

E se você quiser algumas dicas específicas sobre e-mail marketing em cada rede social, não deixe de ler estes artigos:

_____________

Nacho Crespo: Partners and Integrations Manager na @fromDoppler. Comunicador social. Trabalhou em diversos meios de comunicação online e offline. Foi Chefe do Departamento de Publicidade da Revista Hombre no Editorial Perfil e Analista na IBM e General Motors.

@NachoCrespo37

Comments

Social